Terceirização do Setor Financeiro em São Paulo -SP

Você quer implementar a terceirização do setor financeiro da empresa, mas não sabe por onde começar?
As empresas já terceirizam funções de manutenção, administração, limpeza e marketing há muito tempo, mas delegar o controle das finanças a um profissional externo (o contador, por exemplo) é um passo além.
Aqueles que tiveram sucesso comemoram os resultados, pois, nada melhor do que contar com pessoas experientes que oferecem insights valiosos sem os altos custos de um departamento próprio dedicado a essa tarefa.
Se for o modelo ideal para o seu negócio, a perspectiva é de ganho em eficiência, produtividade e vantagem competitiva.
O que é a terceirização do setor financeiro
A terceirização do setor financeiro é a delegação de atividades relacionadas às finanças da empresa para especialistas que não fazem parte dos colaboradores da organização.
Considerando que a área financeira é uma das mais complexas e centrais para a empresa, deixá-la nas mãos de especialistas pode ser uma ótima saída para tornar a gestão mais eficiente, ágil e econômica.
As pequenas e médias empresas, em especial, são as que mais ganham com a terceirização do setor financeiro, ou BPO financeiro, pois mantém suas equipes enxutas e evitam os altos custos de manter um departamento financeiro próprio.
Como funciona a terceirização do financeiro
É claro que, para a terceirização do setor financeiro é preciso ter muita confiança nos prestadores de serviços, que devem possuir expertise comprovada e alta tecnologia para conduzir a gestão financeira – principalmente no ambiente virtual.
Assim, a terceirização do setor financeiro começa definindo as atividades a serem delegadas e escolha de parceiros estratégicos para prestação de serviços de qualidade.
Depois de uma avaliação minuciosa da empresa, o contador responsável realiza um diagnóstico e planeja a transição das atividades, para que todas as regras e políticas da organização sejam cumpridas.
Do mesmo modo, é de responsabilidade do contratado prover informações confiáveis, monitorar os indicadores de desempenho e atualizar as soluções conforme avanços tecnológicos.
Do lado da empresa, o maior desafio é entregar suas finanças ao profissional externo sem perder o controle do negócio. Alguns exemplos de funções incluídas na terceirização do setor financeiro são:
1) Gestão de contas a pagar e a receber;
2) Gestão do fluxo de caixa;
3) Conciliação bancária e fechamento de caixa;
4) Relatórios financeiros;
5) Controladoria em geral;
6) Análise e monitoramento de indicadores de desempenho.
Vantagens da terceirização financeira
Segundo o estudo 2016 Global Outsourcing Survey, da Deloitte, mais de um terço das empresas pesquisadas planejam ampliar a terceirização das atividades financeiras nos próximos anos.
Atualmente, 36% já utilizam os serviços financeiros terceirizados com sucesso e relatam como principais vantagens a redução de custos (59%), aumento do foco no core business-atividade principal (57%) e solução de problemas de capacidade (47%).
Como terceirizar o departamento financeiro da empresa
Agora que você já sabe tudo sobre a terceirização do setor financeiro, vamos à aplicação prática do processo.
Confira nosso guia passo a passo para terceirizar suas finanças:
1. Defina as funções a terceirizar
Antes de tudo, você precisa definir exatamente quais funções financeiras e contábeis podem ser terceirizadas. Para isso, você deve considerar critérios como o volume de transações, complexidade das finanças, confidencialidade e quantidade de informação necessária à tomada de decisão.
2. Encontre o fornecedor ideal
Encontrar o fornecedor ideal é o ponto-chave da terceirização e, por isso, as empresas têm buscado contadores e prestadores de serviços com soluções de ponta a ponta. A tecnologia também desempenha um papel central na escolha, pois as novas tendências apontam para o uso de inteligência artificial, computação em nuvem e Big Data na gestão financeira.
3. Feche o contrato em detalhes
O fechamento do contrato é um momento crítico para a terceirização financeira, pois todos detalhes devem ser acordados entre as partes para evitar futuros desentendimentos.
4. Invista na transição
A transição é, de longe, o momento mais delicado da terceirização depois da contratação. Por isso, você deve garantir que a empresa contratada entenda profundamente seu negócio, integre os processos e monitore seus compromissos de entrega, além de melhorar continuamente as tarefas. Investir mais tempo e esforço na transição é fundamental.
5. Mantenha a conexão
Depois da implementação, você precisa garantir a eficiência do canal de comunicação com o terceirizado. Para isso, existem inúmeras soluções em softwares e plataformas virtuais que encurtam distâncias e permitem o monitoramento constante do desempenho, além de prover o atendimento em tempo real que sua empresa necessita.
Está em dúvida sobre como a terceirização do setor financeiro pode alavancar sua empresa? Entre em contato para esclarecermos e iniciarmos uma trajetória de grandes resultados!
Redução de Custos
A redução de custos é um dos pontos centrais da terceirização do setor financeiro, pois reduz os gastos operacionais e quantidade de processos necessários à gestão de finanças e contabilidade.
A economia também é sentida na redução de encargos trabalhistas, uma vez que é muito mais prático e barato manter o serviço do que contratar equipes próprias.
Ao somar todas as despesas de um departamento financeiro, incluindo o capital humano, treinamentos, estrutura, tecnologia e outros custos, fica clara a vantagem econômica da terceirização do setor financeiro.
Foco na atividade principal
Um dos grandes destaques da terceirização do setor financeiro é a possibilidade de concentrar esforços na atividade principal da empresa e funções estratégicas, deixando outras tarefas de apoio e controle para o terceirizado.
De acordo com a pesquisa Small Business Pulse Survey 2015, realizada pela The Alternative Board, os empreendedores passam apenas 32 % do tempo focados nas funções vitais da organização.
Isso significa que mal sobra tempo para o que realmente interessa: planejamento estratégico, interação com os consumidores, aprimoramento da qualidade, mudanças organizacionais e inovação.
Ou seja, ao invés de se dedicarem aos seus objetivos essenciais, os gestores acabam gastando horas preciosas com tarefas administrativas.
É por isso que a terceirização de finanças e contabilidade é fundamental para alavancar o crescimento das organizações, liberando tempo e recursos para o foco no core business (atividade principal).
Aumento da capacidade e eficiência
A terceirização do setor financeiro permite que as empresas ampliem sua capacidade de gestão sem aumentar custos ou tornar os processos ainda mais complexos.
Pelo contrário: é a solução ideal para simplificar ao máximo os processos, pois, a empresa conta com especialistas com extenso know-how para executar funções financeiras e contábeis com eficiência.
Enquanto o gerenciamento interno tende ao aumento da burocracia, a delegação a terceiros conduz à flexibilidade e dinamismo.
Informações valiosas
A principal função do novo profissional de contabilidade e finanças é fornecer informações valiosas na tomada de decisão dos empresários, para além das rotinas burocráticas.
Por essa razão, o contador é parceiro estratégico essencial para as empresas, pois oferece dados precisos para avaliação da saúde financeira e crescimento do negócio.
Com os números traduzidos em relatórios, os gestores podem direcionar o futuro da empresa com segurança.
Desse modo, os terceirizados conseguem propor soluções mais eficientes, auxiliando a empresa a reduzir custos e aumentar seus lucros.
Quer saber mais?
Chame-nos no WhatsApp, e tire suas dúvidas!
Back To Top

Área do Cliente





Esqueci minha senha
Open chat