MP 936 2020 novas regras trabalhistas durante a crise

Mp 936 2020 Notícias E Artigos Contábeis Na Zona Leste Sp | Vance Contábil - Contabilidade digital em São Paulo – SP

Compartilhe nas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O Diário Oficial da União publicou nesta quarta-feira, 01, a MP 936/2020 que institui o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda.

Em suma, a norma estabelece o pagamento de um Benefício Emergencial e permite redução de jornadas e salários e suspensão temporária de contratos de trabalhos.

A MP 936 2020 é mais uma medida anunciada pelo Governo que tem como objetivo amenizar os Impactos causados com a crise do Coronavírus.

Desse modo, entenda ponto a ponto o que muda com a MP 936/2020:

Redução de salários

Com a MP, o empregador poderá reduzir os salários dos funcionários desde que seja de forma proporcional à jornada de trabalho. Ficam permitidos cortes de 25%, 50% ou 70%, por até noventa dias.

É importante ressaltar que o valor do salário-hora de trabalho do funcionário deve ser mantido.

Suspensão do Contrato de Trabalho

Durante o estado de calamidade pública, o empregador poderá acordar a suspensão temporária do contrato de trabalho de seus empregados, pelo prazo máximo de sessenta dias, que poderá ser fracionado em até dois períodos de trinta dias.

A suspensão temporária será pactuada por acordo individual escrito entre empregador e empregado, que será encaminhado ao empregado com antecedência de dois dias corridos.

Vale lembrar que a suspensão será válida aos empregados com salário igual ou inferior a R$ 3.135 e aos portadores de diploma de nível superior e que percebam salário mensal igual ou superior a duas vezes o limite máximo dos benefícios do Regime Geral de Previdência Social.

Desse modo, a empresa que tiver auferido, no ano-calendário de 2019, receita bruta superior a R$ 4.800.000,00, somente poderá suspender o contrato de trabalho de seus empregados mediante o pagamento de ajuda compensatória mensal no valor de trinta por cento do valor do salário do empregado durante o período de suspensão.

Além disso, se durante o período de suspensão temporária do contrato de trabalho o empregado mantiver as atividades de trabalho, ainda que parcialmente, por meio de teletrabalho, trabalho remoto ou trabalho à distância, ficará descaracterizada a suspensão temporária do contrato de trabalho e o empregador estará sujeito à penalidades.

Rescisão

A dispensa sem justa causa que ocorrer durante o período de garantia provisória no emprego sujeitará o empregador ao pagamento, além das parcelas rescisórias previstas na legislação em vigor, de indenização no valor de:

Redução salarial de 25 à 50%: Pagamento de 50% do salário que o empregado teria direito inicialmente;

De 50 a 60%: Pagamento de 75% do salário que o empregado teria direito inicialmente;

Superior à 70% ou suspensão: Pagamento de 100% do salário que o empregado teria direito inicialmente.

Benefício Emergencial

O empregador deve informar ao sindicato a redução da jornada e salário ou a suspensão temporária do contrato, em dez dias, após o acordo.

Dessa forma, o trabalhador poderá receber um Benefício Emergencial que será pago no prazo de trinta dias da data da celebração do acordo. O valor de tal benefício terá como base de cálculo o valor mensal do seguro-desemprego a que o empregado teria direito.

É importante ressaltar que o Benefício Emergencial será pago exclusivamente enquanto durar a redução proporcional da jornada de trabalho e de salário ou a suspensão temporária do contrato de trabalho.

Além disso, caso o empregador não preste a informação dentro do prazo previsto ficará responsável pelo pagamento da remuneração no valor anterior à redução da jornada de trabalho e de salário ou da suspensão temporária do contrato de trabalho do empregado, inclusive dos respectivos encargos sociais, até a que informação seja prestada.

A forma de transmissão dessas informações e comunicações, assim como mais detalhes do pagamento do Benefício Emergencial, serão disciplinados pelo Ministério da Economia.

Valor Benefício Emergencial

O valor do Benefício Emergencial terá como base de cálculo o valor mensal do seguro-desemprego a que o empregado teria direito, nas seguintes situações:

I – na hipótese de redução de jornada de trabalho e de salário, será calculado aplicando-se sobre a base de cálculo o percentual da redução;

II – na hipótese de suspensão temporária do contrato de trabalho, terá valor mensal: equivalente a cem por cento do valor do seguro-desemprego a que o empregado teria direito, ou equivalente a 70% do seguro-desemprego a que o empregado teria direito.

O empregado com contrato de trabalho intermitente formalizado até 1 de abril/2020, fará jus ao benefício emergencial mensal de R$ 600, durante três meses.

Acompanhe também o nosso post resumão covid-19 atualizado constantemente a cada nova medida do governo.

Além disso, em caso de dúvidas por favor entre em contato, estamos de plantão para ajudá-los nesse momento de crise.

Conte conosco!

Fonte

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

Análise Swot Ou Análise Fofa - Contabilidade digital em São Paulo – SP

Análise SWOT ou Análise FOFA: o que é e como fazer

Um dos clássicos da administração estratégica, a análise SWOT ou análise FOFA, é um conceito importante para as empresas enxergarem as áreas do negócio de uma maneira que ajude nas ações e estratégias. Uma estratégia que auxilia o empreendedor em uma

Guia Para Fazer Planejamento Estrategico - Contabilidade digital em São Paulo – SP

Guia para fazer planejamento estratégico

O planejamento estratégico de uma empresa é um dos pontos mais importantes para quem deseja ter sucesso no seu negócio. Afinal, é nesta etapa que serão definidos os principais objetivos da organização e os possíveis caminhos para atingi-los da maneira

Fornecedores Saiba Como Encontrar Os Melhores Parceiros 640x360 - Contabilidade digital em São Paulo – SP

Fornecedores: saiba como encontrar os melhores parceiros

Os fornecedores são peças-chave para as empresas, ainda mais quando falamos em e-commerce e Marketplace. Se os produtos vendidos pela marca não são produzidos pela mesma, ela precisa conseguir esses recursos, e nem sempre ir direto na fábrica é uma boa

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
Visando manter nossos clientes, amigos e parceiros orientados e atualizados…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top

Área do Cliente





Esqueci minha senha